fbpx

Como manter a criatividade e disposição no trabalho remoto

A pandemia, mesmo que em declínio, juntamente com as mudanças decorrentes do avanço da internet, mudaram nossas perspectivas de trabalho, fazendo com que o trabalho remoto seja, cada vez mais, uma realidade.

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email

Já citamos em outro artigo aqui no blog as diferenças de trabalho remoto, home office e afins, mas, neste post, considere “trabalho remoto” como qualquer tipo de atividade realizada fora das dependências físicas de uma empresa.

O trabalho remoto foi imposto pela maioria das empresas no início da pandemia e, antes disso, muitos profissionais já realizavam suas atividades à distância, indo poucas vezes ao escritório ou, até mesmo, sem nunca ter visto seus colegas pessoalmente.

Esse é um formato de trabalho que veio para ficar e traz uma série de vantagens para os adeptos, desde mais tempo com a família até maior flexibilidade de horários.

Entretanto, o ócio e o famoso “branco” (falta de criatividade) são um problema recorrente para quem trabalha de forma remota.

Pensando nisso, preparamos algumas dicas simples, mas muito efetivas que, quando colocadas em prática, te ajudarão a manter a criatividade e disposição para realizar suas atividades de forma remota.

Vamos lá?

Use trajes adequados

Quem automaticamente liga o trabalho remoto a pantufas e pijamas, pode deixar esse pensamento de lado.

Mesmo que seja confortável, agradável e até libertador, tentar trabalhar usando suas roupas de descanso pode ser um passo em direção à procrastinação e um inibidor de criatividade.

Isso porque nosso cérebro trabalha com assimilação. Se você usa um pijama ou similar, seu cérebro entende que é hora de dormir, se usar algo mais formal ou menos confortável, entenderá que é o momento de ficar alerta.

Não precisa ser um terno ou salto alto, mas busque usar roupas que sejam mais apropriadas para trabalhar do que para relaxar.

Faça anotações

Talvez você não consiga memorizar todo seu planejamento mensal, suas atividades da semana ou do dia, isso é normal.

Mas, como essa dificuldade em se lembrar de tudo pode ser um empecilho na sua produtividade, fazer anotações pode ser muito útil.

Anotando o que deve ser feito a cada dia, semana e mês, você passa a ter uma visão mais clara, se organiza para realizar seus trabalhos no prazo e consegue encaixar outras atividades na rotina.

E, se achar interessante, manter algo como um diário, livre ou guiado, também pode ajudar a ter mais controle sobre o que precisa e pode ser feito.

Tenha um hobby

Ter um hobby é uma forma de estimular sua criatividade, manter o engajamento em uma atividade e, ainda, dar a si um tempo para fazer algo prazeroso.

Busque algo que te agrade. Pode ser pintar, cozinhar, ler, pesquisar assuntos que te interessam.

O importante é estimular o cérebro com algo além do trabalho.

Continue tentando

A criatividade não é necessariamente um dom, com o qual simplesmente se nasce, podendo, inclusive, ser uma qualidade desenvolvida.

Mas isso leva tempo, claro. E, para garantir os bons resultados, é preciso continuar tentando.

Suas ideias, a execução do seu hobby ou organização das anotações talvez ainda não estejam num ponto que te agrada, mas o segredo é persistir até chegar lá.

Evite as telas por um tempo

Quem trabalha de forma remota muito provavelmente passa o dia em frente a telas, fazendo seus trabalhos no computador, mantendo contato com a equipe no celular.

E, como isso é um hábito, no fim do expediente o primeiro impulso é pegar esses aparelhos e procurar algo neles para se entreter, seja respondendo um e-mail, rolando o feed das redes sociais ou buscando algo para ler.

Essa exposição constante a informações de todos os tipos, luzes das telas, notícias, a falsa felicidade das redes e todos os excessos, são inimigos da criatividade e disposição.

Portanto, sempre que possível, busque evitar as telas por um tempo.

Cuide de você

Por mais que muitas pessoas preguem o contrário, o descanso é sim um amigo de quem trabalha remotamente, como freelancer ou contratado de uma empresa.

Sem um sono de qualidade, alimentação adequada, alguns exercícios, lazer e tempo de qualidade com a família, amigos ou sozinho, suas chances de adoecer física e psicologicamente são enormes.

E, caso ainda não tenha pensado nisso, doente você produz muito menos, ou nada, em comparação aos dias em que se trabalha o bastante e se dá um tempo para descansar e cuidar de si.

Manter a criatividade e disposição no trabalho remoto pode ser um desafio, mas a solução, basicamente, está em criar hábitos que estimulem essas qualidades.

Bora colocar essas dicas em prática e ver os resultados?

Veja também estes artigos

Utilizamos cookies para garantir a melhor experiência em nosso site e para entender o comportamento de navegação. Se você continuar a usar este site, entendemos que você está de acordo com nossa Política de Privacidade.