Cookies: o que são, para que servem e o que diz a nova LGPD

Os famosos cookies são utilizados e armazenados por todos os sites em que navegamos na internet, você já deve ter percebido. Mas você sabe o que são e para que servem esses "cookies"?
Share on facebook
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email
This photo is a symbol for the internet cookies in the internet browser.

Por mais que pareça algo complicado de se entender, o conceito de cookies de internet é bem simples de se compreender. Entretanto, entender não só o que são, mas para que são utilizados, é importante para quem busca proteger seus dados e manter a privacidade no ambiente digital.

Neste artigo, falaremos sobre o que são os cookies, para que servem e qual a posição da Lei Geral de Proteção de Dados sobre eles. Boa leitura!

O que são os cookies

Quando acessamos um site, na maioria das vezes recebemos um aviso “ao continuar navegando você concorda com nossa política de cookies” ou algo similar, já reparou?

Esses cookies nada mais são do que pequenos arquivos de texto, utilizados para identificar o usuário, fazer com que certas funções de um site funcionem, armazenar dados como a frequência de cliques, localização, preferências e outros.

Além disso, permitem que as páginas visitadas sejam monitoradas, de forma que as empresas anunciantes criem uma imagem estratégica e publicidade personalizada, despertando o interesse do visitante.

Existem cookies com as mais diversas funcionalidades, como os que criptografam informações, os que usam essas informações para traçar um perfil do usuário, cookies para salvar login e senha de apps e, até mesmo, alguns específicos que tornam a navegabilidade melhor.

Para que servem os cookies

Para entender exatamente para que servem os cookies, é preciso antes conhecer seus diversos tipos, para então saber qual o uso de cada um.

Tipos de cookies

Cookies primários: são coletados quando um usuário acessa a página.

Cookies de terceiros: são de sites externos ao que o usuário está navegando, podendo adicionar funcionalidades como o rastreio de dados.

Persistentes: esses cookies têm uma duração maior, armazenam senhas e dados de login.

De sessão: ao contrário dos persistentes, os cookies de sessão são de curta duração e são eliminados quando o usuário fecha a aba.

Cookies de segurança: garantem que os dados sejam criptografados à medida que passam entre o site e o navegador.

Cookies HTTPOnly: servem como proteção, evitando ataques como quando um script tenta enviar os dados de um cookie para um site de terceiros.

 

Como pudemos notar, há uma grande variedade de cookies e cada um deles possui uma funcionalidade totalmente distinta, mas, para resumir, os cookies servem principalmente para oferecer uma melhor navegabilidade, anúncios personalizados e para manter a segurança dos dados do visitante.

Cookies e a LGPD

A LGPD, ou Lei Geral de Proteção de Dados (Lei N° 13.907) foi aprovada em agosto de 2018 e entrou em vigência em agosto de 2020. Seu objetivo é proteger os dados de todo cidadão que esteja em território brasileiro.

Esta lei exige que, para que haja qualquer uso ou processamento de dados, haja o consentimento do cidadão. Além disso, em situações específicas, o cidadão pode exigir que seus dados sejam deletados, transferir os dados, revogar consentimentos etc.

Quanto aos cookies, é preciso que entendamos um pouco mais da LGPD para falarmos sobre como essa lei os afeta. Veja bem, a LGPD busca proteger os dados pessoais, mas nem todos os dados que um cookie carrega são pessoais.

Entretanto, quando um cookie carrega dados que te identifiquem, o site no qual você está navegando deve esclarecer quais cookies estão sendo utilizados, como, por que e para quê, oferecendo transparência e privacidade ao usuário

Para que os dados de pessoas físicas sejam tratados, é necessário que haja o consentimento, como já foi dito e, é por isso que os sites notificam sobre o uso e armazenagem de cookies, além de dar ao visitante a opção de personalizá-los e entender mais sobre como o site os trata.

 

A segurança no ambiente digital é um assunto que gera muito debate, mas que nem sempre alcança o público como deveria, pois, na maior parte das vezes o linguajar utilizado é muito técnico e dificulta o entendimento.

Mas acreditamos que, com este artigo, você tenha entendido o que são os cookies, o que é a Lei Geral de Proteção de Dados e o que diz sobre esses arquivos. Até a próxima!

Share on facebook
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email

Aproveite e veja também

Aumente as vendas da sua empresa por meio da internet

Construímos sites de alta performance para alavancar empresas no meio digital