fbpx

Como fazer um pós-venda que trará resultados reais à sua empresa

Quem pensa que o funil de vendas acaba quando o cliente adquire um produto ou serviço, está muito enganado. Para tornar essa compra relevante para o consumidor, torná-lo fiel e disposto a ser seu cliente, é preciso mais do que ofertas constantes e panfletagem.

Aqui no blog nós já falamos sobre o pós-venda e sua importância, principalmente no tocante à fidelização de clientes. Quem é leitor já deve ter visto, mas, se não, vale a pena saber mais sobre a importância do pós-venda.

O atendimento pós-venda pode trazer diversos benefícios à sua empresa, como a redução no custo de aquisição de clientes, fidelização, upsell, dentre outros, afinal, quando você dá ao cliente a devida atenção e importância, ele tende a ver sua marca com bons olhos e pensar em você primeiro no momento de uma nova compra.

Mas, como nem tudo é tão simples, antes de colher os benefícios de um bom pós-venda, é preciso saber como oferecer um serviço de qualidade, que trará resultados reais à sua marca.

Quer saber mais? Então continue a leitura e confira nossas dicas essenciais para quem quer fazer um pós-venda que traga resultados efetivos. Vamos lá?

Faça um follow-up

Follow-up, basicamente, é um monitoramento do comprador, um acompanhamento. Apesar do nome em inglês que dá a impressão de ser algo complexo, o follow-up pode ser muito simples de se fazer.

Uma alternativa simples e interessante é enviar um e-mail ao comprador após a compra ser efetuada, perguntando sobre a entrega, se o produto atendeu às expectativas ou se o serviço foi realizado como esperado, por exemplo.

Esse tipo de atendimento faz seu consumidor se sentir valorizado e lembrado, o que é uma excelente estratégia para aumentar a competitividade e seu destaque entre o público, pois táticas como o follow-up podem agregar valor ao seu produto ou serviço, fazendo com que sua marca seja lembrada e procurada novamente.

Peça e considere feedbacks

Em seu site ou e-commerce, é interessante disponibilizar um espaço para que os compradores deixem um feedback, podendo ser um comentário sobre a experiência com o que foi adquirido, um sistema de estrelas ou outro.

Porém, é importante que, além de pedir esse comentário, você o deixe à disposição de outros visitantes e considere as possíveis críticas, utilizando-as como base para a otimização e melhora do seu produto, serviço, atendimento ou o que quer que seja que precise melhorar.

Não deixe também de responder seu público no site ou redes sociais, tanto os bons feedbacks quanto os ruins, sempre mantendo uma postura prestativa e educada, além de informar quando uma questão for solucionada.

Cumpra o prometido

É natural e praticamente obrigatório que uma empresa se apresente como uma das melhores, a melhor daquele segmento, a que oferece os melhores produtos, presta os melhores serviços e tudo o mais, afinal, ninguém vai dizer “os melhores produtos para sua necessidade, você encontra na concorrência”, não é?

Entretanto, você e sua equipe devem sempre se atentar à propaganda enganosa. Nunca prometa ou ofereça algo que não pode entregar, pois isso aumentará a expectativa do público e, quando ele perceber que não recebeu o que esperava, terá uma frustração imensa e muito o que reclamar da sua empresa.

Você deve estar se perguntando o que fazer para resolver essa situação e, a resposta é bem prática. Primeiramente, seja claro e transparente em suas ofertas e propagandas. Fale sobre os benefícios reais do seu produto/serviço, apresente comentários positivos sobre ele, mas não diga algo além da verdade acerca do que está oferecendo.

Feito isso, volte a dica anterior, do feedback, e se esforce para melhorar a qualidade ao máximo, desde a produção até o marketing, da venda ao pós venda. Faça com que seu produto ou serviço seja, de fato, o melhor, mas não diga isso antes de ser verdade.

Ofereça conteúdos complementares e relevantes

Uma técnica de pós-venda bem interessante é a oferta de conteúdos relevantes relacionados ao que o consumidor adquiriu.

Esses conteúdos devem ser úteis, trazer dicas para um melhor uso do que foi adquirido, como manter a qualidade por mais tempo, como esse produto pode facilitar a vida do comprador, etc.

Veja esses exemplos simples:

Primeiro, uma pessoa adquiriu na sua loja, uma geladeira, pois a anterior não tinha espaço suficiente. Para mostrar que você estava atento ao que o cliente disse sobre a geladeira anterior e que você espera que essa nova atenda às necessidades do consumidor e sua família, pode ser interessante oferecer um conteúdo sobre como organizar a geladeira e aproveitar melhor o espaço interno, falar sobre recipientes que otimizam o espaço e aumentam a durabilidade dos alimentos e similares.

Segundo, um exemplo que já usamos anteriormente, pense que você é um dentista e é especialista em aparelhos odontológicos. Depois de colocar o aparelho em um paciente, você pode melhorar a experiência dele falando sobre escovas dentais que limpam mesmo usando o apetrecho, cuidados para não danificá-lo, como usar fio dental corretamente, entre outras coisas, entendeu?

Todas essas dicas têm como finalidade mostrar ao consumidor que, mais do que vender e obter ganhos, você espera que ele tenha boas experiências, desfrute ao máximo de suas aquisições, sinta-se valorizado e, com isso, crie uma memória afetiva com sua marca, aumentando as chances dele realizar uma nova compra no futuro, te recomendar para as pessoas próximas e na internet, trazendo de fato os bons resultados que você busca ao oferecer um pós-venda.

Você já oferece serviços pós-venda no seu negócio? Os resultados são reais e vantajosos? Se não, está na hora de rever suas técnicas e adaptá-las à sua necessidade e objetivos. Obrigado pela companhia e até a próxima!

Veja também estes artigos

Utilizamos cookies para garantir a melhor experiência em nosso site e para entender o comportamento de navegação. Se você continuar a usar este site, entendemos que você está de acordo com nossa Política de Privacidade.